Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

O Departamento de Registro passou, recentemente, por algumas mudanças em seu fluxo de trabalho. Confira!

Publicado: Terça, 08 de Outubro de 2019, 14h09 | Última atualização em Quinta, 24 de Outubro de 2019, 12h32 | Acessos: 200

Buscando otimizar o atendimento aos profissionais Fisioterapeutas e Terapeutas Ocupacionais, a rotina de trabalho do Departamento de Registro sofreu algumas mudanças. A maior e mais significativa delas foi a Descentralização das atividades da sede em Curitiba.

Mas, o que isso quer dizer?

Isso significa que os processos, antes realizados somente na capital, serão também realizados nas subsedes instaladas no interior do Estado. A primeira subsede a implementar os processos de registro foi a subsede de Londrina. Nela, os profissionais já podem contar com os serviços de Emissão de Registro Definitivo; 2ª Via de Documentos; Baixa de Registro Profissional e de Consultório e dar entrada no Processo de Transferência.
A subsede de Maringá também já deu início à sua participação na descentralização, com a Emissão de Registro Definitivo e, em breve, ingressará na segunda fase do projeto, abrangendo as atividades já executadas em Londrina.
O próximo passo na Descentralização é a realização dos processos relacionados às Pessoas Jurídicas, como Registro e Baixa de Empresas e Atualização Cadastral de Consultórios e Empresas nestas subsedes, e iniciar o processo todo também em Cascavel.
Além da Descentralização, houve uma reorganização no fluxo interno de trabalho na sede em Curitiba. As atividades foram redistribuídas e os processos revisados, com o intuito de aprimorar o serviço prestado.
O objetivo dessas mudanças é o aperfeiçoamento do serviço prestado aos profissionais, buscando melhorar a qualidade do atendimento, reduzindo os prazos de finalização dos processos e de entrega de documentos.

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página