Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Profissões de Fisioterapia e Terapia Ocupacional entram no decreto de serviços essenciais

Publicado: Sexta, 29 de Janeiro de 2021, 20h24 | Última atualização em Sexta, 05 de Fevereiro de 2021, 19h42 | Acessos: 480

A pedido da presidente do CREFITO-8- Patricia Rossafa Branco, o Governo do Estado do Paraná incluiu as profissões de Fisioterapia e Terapia Ocupacional como atividades essenciais de assistência a saúde no Decreto Estadual nº 4.317 de 21 de março de 2020, levando em conta a Lei Federal nº 14.023 de 08 de julho de 2020, que no inciso III do §1º do art. 3º - J, que considera fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais como profissionais essenciais ao controle de doenças e a manutenção da ordem publica.
Desde o início da crise pandêmica, o Colegiado do CREFITO-8 têm participado ativamente e incessantemente em prol do reconhecimento e valorização da classe e sua atuação no meio. Em setembro de 2020, em visita ao secretário da saúde do governo do Paraná, Beto Preto, a presidente falou sobre os trabalhos desenvolvidos pela autarquia, assim como o convidou para que participasse de uma das reuniões da plenária para que apresentar as demandas e oportunidades que a fisioterapia e terapia ocupacional possuem para contribuição a saúde. Também em 2020, a presidente passou a participar ativamente do COE - Centro de Operações em Emergências – para debate as questões de enfrentamento ao novo coronavírus no Paraná, bem como de outras situações que impactam a saúde pública no estado.
Esse reconhecimento do governo do Estado do Paraná é uma conquista para nossas profissões, que são essenciais à sociedade e têm se destacado atuando na linha de frente no enfrentamento ao coronavírus.

Leia na íntegra: 

OFÍCIO CREFITO-8 nº 203/2020 -GAPRE

Of. nº3093/2020/GS/SESA

DECRETO Nº 6728 - GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página